História


Associação de Futebol de Viseu, inicialmente denominada Federação Desportiva de Viseu, foi oficialmente fundada em 15 de outubro de 1926.

Com o objetivo de criar condições para a prática do futebol, um grupo de impulsionadores, desafiados por Francisco Almeida Moreira, reuniram no dia 8 de outubro de 1926. Nesse encontro, entre Francisco Almeida Moreira, Agostinho Ferreira, Edmundo de Oliveira e Abel Leonídio, foi redigida a primeira Ata.



Ata Nº1

Aos oito dias do mês de outubro do ano mil novecentos e vinte e seis, pelas 16 horas, na casa do Soar de Cima, afim de serem encetados os trabalhos para a fundação de uma coletividade dirigente do desporto em Viseu, reuniram-se os cidadãos: Francisco Almeida Moreira, Agostinho Ferreira e Edmundo de Oliveira, sendo por proposta do senhor Francisco Almeida Moreira convidado o antigo propagandista do desporto Abel Leonídio, o que foi aprovado unanimemente, tendo todos estes indivíduos constituído a comissão organizadora da coletividade acima referida.

Seguidamente, Agostinho Ferreira apresenta uns estatutos que haviam sido elaborados por uma comissão em tempos nomeada por clubes do distrito, entre os quais figuraram todos os grupos de Viseu. Essa comissão, da qual fez parte também Edmundo de Oliveira, havia, segundo a deliberação dos clubes, deliberado fundar a Associação de Foot-ball de Viseu.

Lidos os estatutos acima, foi deliberado modificar a sua doutrina, e, entre outras coisas, foi aprovado que a coletividade dirigente dos desportos em Viseu se denominasse Federação Desportiva de Viseu, pois assim se poderiam regulamentar todos os desportos e não apenas o foot-ball.

Afim de dar conhecimento dos trabalhos, foi aprovado convocar-se uma reunião geral de clubes desportivos para o dia quinze, cujo convite será feito por escrito, aos seguintes clubes: Sport Ribeira Viriato, Grupo União Futebol, Clube Académico de Futebol, Lusitano Futebol Clube, Sport Lisboa e Viseu, Sporting Clube de Viseu e Futebol Clube do Porto e Viseu.

Por nada mais se tratar nesta sessão, foi a mesma encerrada e lavrada a ata presente que a comissão vai averiguar”.


Uma semana depois, a 15 de outubro de 1926, e já com a presença dos clubes fundadores, é redigida a segunda ata.

Ata Nº 2

Aos quinze dias do mês de outubro de mil novecentos e vinte e seis, sob a presidência do cidadão Francisco Almeida Moreira, reuniu a comissão organizadora de Federação Desportiva de Viseu, com todos os meus membros, e com a comparência dos seguintes clubes: Grupo União Futebol por Francisco Lopes do Santos, Sport Lisboa e Viseu por Jaime do Couto Moreira, Lusitano Futebol Clube por Manuel do Sacramento, Sporting Clube de Viseu por Joaquim Pereira Correia e Futebol Clube do Porto e Viseu por António de Pina, verificando-se assim a falta de dois clubes apenas: o Sport Ribeira Viriato e o Clube Académico de Futebol.

Verificada a presença da maioria dos clubes, o senhor presidente da comissão apresentou várias razões que levaram a comissão a efectivar tal obra, entre as quais a necessidade de proibir a prática de certos jogos por pessoas fisicamente inadaptáveis, bem como a criação de uma corrente de disciplina no meio desportivo. Indicou a seguir a necessidade absoluta que os clubes, sem excepção, têm de se fazer reconhecer oficialmente, pois sem isso não se podem filiar na Federação, pois esta também tem de seguir o mesmo caminho para poder exercer a sua ação de orientar e poder filiar-se nas federações nacionais.

São postos em discussão os Estatutos que, em última redação foram aprovados (…).

Em seguida foi marcada para o dia 23 de dezembro a reunião de clubes oficialmente organizados, afim de serem discutidos: O Regulamento interno, o prazo para abertura e encerramento de inscrições relativos á presente época (1925-1927) e organização da lista com os nomes dos indivíduos que hão-de gerir os negócios da Federação, devendo para essa reunião serem enviados novos convites, contendo estes os assuntos principais a tratar:

Por nada mais haver a discutir, foi esta sessão encerrada, lavrando-se da mesma a presente data.


Estava assim criada a Federação Desportiva de Viseu, que anos depois passou a denominar-se Associação de Futebol de Viseu. Com o seu nascimento, a prática desportiva passou a ser regulamentada e foram criadas as condições necessárias para a segurança de todos os atletas e clubes.


 

Presidentes


Desde a sua criação, a Associação de Futebol de Viseu conheceu 30 Presidentes, alguns na Direção propriamente dita, outros em Comissões Administrativas. Francisco Almeida Moreira foi o Presidente Fundador e José Alberto da Costa Ferreira é o atual dirigente da AF Viseu.


- Francisco António Almeida Moreirade 15 de outubro de 1926 a 5 de agosto de 1928

- João Figueiredo Cabral Mascarenhasde 5 de agosto de 1928 a 9 de março de 1929 

- António Azeredo Paisde 9 de março a 6 de agosto de 1929

- Jesuíno de Aragãode 12 de outubro de 1929 a 30 de julho de 1930

- Porfírio Hipólito Azevedo da Fonsecade 30 de junho de 1930 a 30 de abril de 1931

- João Figueiredo Cabral Mascarenhas de 21 de outubro de 1931 a 18 de março de 1932

- Hermínio de Lemos Figueiredode 9 de agosto de 1933 a 30 de novembro de 1934

- José Marques de Oliveira Castilho de 9 de janeiro a 7 de agosto de 1935

- João de Almeida Mateus - de 7 de agosto de 1935 a 22 de julho de 1936 

- Álvaro Monteirode 26 de junho de 1937 a 12 de janeiro de 1938

- António Correiade 14 de setembro de 1938 a 4 de agosto de 1939

- Augusto Severino da Silvade 4 de agosto a 20 de outubro de 1939

- Fernando Figueira Henriquesde 20 de outubro de 1939 a 28 de agosto de 1940

- João Guedes das Neves Sacadura de 28 de abril de 1940 a 18 de setembro de 1941

- Abel da Silva Rebelode 18 de setembro a 25 de novembro de 1941

- José Marques de Oliveira Castilhode 25 de março a 5 de agosto de 1942 

- Afonso Ablaira Gomes - de 5 a 28 de agosto de 1942 

- José Marques de Oliveira Castilhode 28 de agosto de 1942 a 15 de novembro de 1943

- Afonso Ablaira Gomes - de 15 de novembro de 1943 a 26 de junho de 1944

- António Esteves Correiade 17 de novembro de 1951 a 5 de abril de 1958

- Asdrubal Moreira da Cunhade 26 de outubro de 1957 a 26 de junho de 1962

- José Silvares de Carvalhode 26 de junho de 1962 a 5 de dezembro de 1963

- João de Almeida Mateus- - de 5 de dezembro de 1963 a 29 de novembro de 1964

- António Américo Osório Cruzde 6 de fevereiro de 1965 a 22 de dezembro de 1966

- Vítor César Gonçalvesde 6 de outubro de 1971 a 11 de novembro de 1971

- Rui José Neves Diasde 22 de dezembro de 1966 a 10 de fevereiro de 1972

- José Ferreira Piresde 10 de fevereiro a 19 de dezembro de 1972

- José Augusto Sá Cardosode 20 de dezembro de 1972 a 13 de dezembro de 1973

- Ramiro Augusto do Valede 13 de dezembro de 1973 a 5 de maio de 1975

- João Carlos Osório de Almeida Mateus de 5 de maio de 1975 a 6 de outubro de 1986

- Fernando José Miranda Peixoto de 17 de outubro de 1986 a 15 de novembro de 1989

- João Gomesde 16 de novembro de 1989 a 29 de abril de 1993

- Carlos Manuel Marta Gonçalvesde 30 de abril de 1993 a 6 de fevereiro de 1998

- Francisco José Cerqueira Mendes da Silvade 6 de fevereiro de 1998 a 8 de março de 2002

- José Alberto da Costa Ferreiraé o atual Presidente, cargo que ocupa desde 8 de março de 2002

     


 

Formação


A partir de 1985 iniciaram-se as formações, de forma a que só os diplomados fossem autorizados a desempenhar funções nos jogos oficiais ocupando lugar na zona técnica.

O primeiro curso de treinadores foi de 6 a 28 de setembro de 1985. A primeira ação de dirigentes foi a 12 de março de 1988.


Inauguração da Sede


A atual sede da Associação de Futebol de Viseu, localizada no parque desportivo do Fontelo, foi inaugurada a 7 de dezembro de 1998 por Dr, Carlos Marta, Dr. Fernando Ruas, Dr. Francisco Mendes da Silva, Carlos Costa, Eng. Carlos Alberto e recebeu a bênção do Bispo de Viseu D. António Monteiro.


Campeões Distritais Divisão de Honra (inicialmente denominada 1ª Divisão)

1926/27 – Lusitano Futebol Clube

1927/28 – Sport Viseu e Benfica

1928/29 – Lusitano Futebol Clube

1929/30 – Clube Académico de Futebol

1930/31 – Lusitano Futebol Clube

1931/32 – Lusitano Futebol Clube

1932/33 – Lusitano Futebol Clube

1933/34 – Sport Viseu e Benfica

1934/35 – Lusitano Futebol Clube

1935/36 – Lusitano Futebol Clube

1936/37 – Clube Académico de Futebol

1937/38 – Clube Académico de Futebol

1938/39 – Clube Académico de Futebol

1939/40 – Mortágua Futebol Clube

1940/41 – Clube Desportivo de Tondela

1941/42 – Clube Desportivo de Tondela

1942/43 – Sport Viseu e Benfica

1943/44 – Sport Viseu e Benfica

1944/45 – Clube Académico de Futebol

1945/46 – Clube Académico de Futebol

1946/47 – Sport Viseu e Benfica

1947/48 – Clube Académico de Futebol

1948/49 – Sport Viseu e Benfica

1949/50 – Clube Desportivo de Tondela

1950/51 – Clube Académico de Futebol

1951/52 – Clube Académico de Futebol

1952/53 – Clube Académico de Futebol

1953/54 – Lusitano Futebol Clube

1954/55 – Sporting Clube de Lamego

1955/56 – Mortágua Futebol Clube

1956/57 – Clube Académico de Futebol

1957/58 – Clube Académico de Futebol

1958/59 – Clube Académico de Futebol

1959/60 – Lusitano Futebol Clube

1960/61 – Clube Académico de Futebol

1961/62 – Sporting Clube de Lamego

1962/63 – Mortágua Futebol Clube

1963/64 – Clube Académico de Futebol

1964/65 – Clube Académico de Futebol

1965/66 – Sporting Clube de Lamego

1966/67 – Lusitano Futebol Clube

1967/68 – Sporting Clube de Lamego

1968/69 – Sport Clube de Penalva do Castelo

1969/70 – Clube de Desporto e Recreio de Moimenta da Beira

1970/71 – Mortágua Futebol Clube

1971/72 – Grupo Desportivo de Mangualde

1972/73 – Sport Clube de Penalva do Castelo

1973/74 – Lusitano Futebol Clube

1974/75 – Sport Viseu e Benfica

1975/76 – Grupo Desportivo de Mangualde

1976/77 – União Desportiva Sampedrense

1977/78 – Lusitano Futebol Clube

1978/79 – Sport Clube de Penalva do Castelo

1979/80 – Grupo Desportivo de Oliveira de Frades

1980/81 – Carvalhais Futebol Clube

1981/82 – Sporting Clube de Lamego

1982/83 – Grupo Desportivo Santacombadense

1983/84 – Sport Clube de Penalva do Castelo

1984/85 – Sporting Clube de Lamego

1985/86 – Sport Lisboa e Nelas

1986/87 – Sporting Clube de Lamego

1987/88 – Mortágua Futebol Clube

1988/89 – Clube Desportivo de Cinfães

1989/90 – Sport Clube de Penalva do Castelo

1990/91 – Lusitano Futebol Clube

1991/92 – Sporting Clube de Lamego

1992/93 – Sport Lisboa e Nelas

1993/94 – Associação do Centro Cultural e Desportivo de Souselo

1994/95 – Clube Desportivo de Cinfães

1995/96 – Clube Desportivo de Mangualde

1996/97 – Clube Desportivo de Cinfães

1997/98 – Sport Lisboa e Nelas

1998/99 – Associação “Os Vouzelenses”

1999/00 – Sport Clube de Penalva do Castelo

2000/01 – Sporting Clube de Cambres

2001/02 – Clube Desportivo de Cinfães

2002/03 – Grupo Desportivo Santacombadense

2003/04 – Sport Lisboa e Nelas

2004/05 – Clube Desportivo de Tondela

2005/06 – Grupo Desportivo Santacombadense

2006/07 – Académico de Viseu

2007/08 – Clube Desportivo de Cinfães

2008/09 – Grupo Desportivo de Mangualde

2009/10 – União Desportiva Sampedrense

2010/11 – Sporting Clube de Lamego

2011/12 – Mortágua Futebol Clube

2012/13 – Lusitano Vildemoinhos

2013/14 – Clube Desportivo e Recreativo de Moimenta da Beira

2014/15 – Grupo Desportivo de Oliveira de Frades

2015/16 – Clube Desportivo e Recreativo de Moimenta da Beira

2016/17 – Clube Recreativo de Ferreira de Aves

2017/18 – Sporting Clube de Lamego

2018/19 – AD Castro Daire